19 de mar de 2018

NOSSOS POETAS DE R a Z




Néctar 

Rita Rocha



O fruto dos meus sonhos

é o néctar que minh´alma adocica.

São versos alegres ou tristonhos

em meu poema, este néctar vivifica.



Sonhando alto, assim componho 

tal criança, com o brinquedo alegre fica,

quando atinjo objetivo a que me proponho

é uma dádiva e  minha alma glorifica.



Não há somente felicidade neste ganho.

Muitas vezes na saudade tão retida

ficam sentimentos  amargos, suponho...

fermentando  o néctar de minha vida.





AMOR PROFUNDO


Sérgio Diniz Barros Guedes



Uma lembrança na memória

um sonho em poesia

num grande momento

de alegria,

esta é a nossa história,

um amor incontido

louco quase perdido.

Foram momentos e tanto

na junção do amar

e do encanto,

tudo feito com ternura

com brincadeira e aventura

sem dor e sem sofrer

só muito amor no nosso viver...






Por teu Amor

Sidnei Piedade



  Por teu amor meu coração suplica...pois não sei mais quem sou. Com sua imagem na 
imaginação vou fazer o sol chover raios de amor...minha linda flor, você é um doce ser, 
com seu jeito, seu beijo me fazem ser assim tão sincero e agradecido eu sou. Teu amor 
é meu tesouro a maior riqueza que um homem possa ter..pois sua dor é minha dor e por 
sua graça aqui estou. Teu amor me transformou e com a corda do cupido você me 
amarrou, teu olhar me captou pertenço a ti e você a mim. Por teu amor fui ao paraíso 
pedir a Adão e Eva  a maçã proibida para te dar com o maior prazer , sentimento lindo 
            quando existe amor....metade de mim  voce sou eu.                                                                                                                   

Texto_Sidnei Piedade 






Ah! Minha viola...

Socorro Lima Dantas



Enquanto o meu amor não chega,
pego a minha viola,
e com as letras da nossa canção,
vou soltando esta louca paixão,
que aperta este peito de saudade.
Vou desafiando o coração,
para desafogar a tristeza
que bate na alma sofrida,
e aos poucos,
vou iludindo a solidão.
Ah ! minha viola,
neste momento de dor, 
só você me consola !





AMOR AMIGO

Sueli do Espirito Santo



Quero uma amor mais amigo
que tenha a alma transparente
sincero, verdadeiro, tão somente
longe ou perto, sempre comigo

Que seja o meu seguro abrigo
meu companheiro permanente
forte, carinhoso e mui valente
me protegendo de todo perigo

Juntos, tudo isso compartilharemos
em uma entrega total com ternura
encontrada no amor que viveremos

Juntos, nós dois multiplicaremos
o sentimento que é uma doçura
e com uma taça, a vida brindaremos






MEU SILÊNCIO...


Theca Angel 


Ah!...Este silêncio que me envolve
Que trás à alma a paz tão desejada.
Os recônditos do coração absolve
Eterna busca pela vida tão sonhada!


Quietude, tranquilidade, momentos
De plenitude, quando os desejos
Acalmam-se e os sentimentos
Afloram na pureza de suaves ensejos.


Silêncio da alma, onde tranquila, a voz
ressoa em mim com tal intensidade,
Me fazendo crer em uma única verdade...


Verdade que brota do meu seio e veloz
Avoluma-se, se espalha por todo o meu ser
Fazendo-me só desse amor viver!


"Amor que surge quando, no silêncio se encontram
a razão e o coração e se confrontam!"





Raio de luz

Vanderli Granatto



Quando coração encontrou o amor,
ficou pelo tempo, a contemplar a imagem.
Tanto admirou!
E mirando, mil sonhos de felicidade,
sonhou.
O céu ao seu redor se abriu.
Nuvens passando, gaivotas voando,
barquinho no mar, o amor a encantar.
Beleza e alegria se misturavam,
num querer especial.
Suspiros pelo ar, mansidão no olhar.
Vestiu-se do sonho.
No silêncio, subjugado,
pelos anos, passou.
Enamorou-se pela vida sonhada.
Plena felicidade!
Fascínio impregnado no peito seduz.
Corações apaixonados. Perfeito deleito.
Mas como um raio que reluz, 
tudo passou, na velocidade da luz.
Sem guarida,  coração não mais encontra saídas.
Na solidão da alma o ciclo se fechou.
Sentimento no outro coração, não se fixou.
Nesta existência um sincero amor, não vingou.


19/01/2018
Botucatu/SP





Hoje

Yna Beta



Hoje eu percebi
a frieza em teu olhar
uma rusga em teu rosto
como lâmina a atravessar!


Hoje eu decidi
não mais me humilhar
não sentir desgosto
nem te acariciar!


Hoje eu resolvi
te castigar
destronar-te do posto
não quero mais te amar!


Hoje eu consegui
deixar as lágrimas rolarem
mesmo assim a contragosto
não mais me apaixonar!


Hoje, somente hoje!!!





Mãos

Yara Nazare



Mãos em união...
Poder, querer, perdão
Guiam em auxílio
Obreiras da escrita
Criam na arte
Provocam risos
E enxugam lágrimas!
Folheiam, manejam
Defendem e agridem.

Mãos, sustentação
Firmeza, direção.
No trabalho,
colhem os frutos.
E na luta diária,
saboreiam a glória!

Mãos, sensação...
Tão precisas,
no beijo da paixão.
Efusivas no aplauso
Alegres na chegada
Acenam tristes,
na partida!

São aflitas na angústia
E também na solidão.
Fazem carícias no afago
São contritas, na oração.
Indulgentes na bênção
Acalmam no abraço
Solidárias, acolhem
Ao outro, em profusão!

Ah, as mãos...
Tão altivas
No adorno dos anéis.
Na paixão, são idílicas
e líricas.
Na defesa, são fortes
Mas no amor, o que importa
É que sejam invencíveis!







O AMOR E O POETA! 

ZzCouto®



Quando o amor pousa 
no coração de um poeta,
a alma toca leve o chão,
as nuvens recebem o astral.
Voos rasantes fazem acrobacias,
roçando os lábios do ser amado.
Vive intensamente
 o belo romance,
mesmo que o outro esteja
do outro lado...

Mas, se o amor cair do infinito,
o poeta ajeita colando 
pedacinhos por pedacinhos.
Acomoda-o ao lado esquerdo
do peito e faz renascer
 a esperança colorindo
de tons de verde o arco íris...
E num toque de mágica
o sol brilhará sua imagem doce.
Aves cantarão melodias 
aterrissadas em jardins floridos,
 espantando a tristeza
e cultivando o amor
querido!





Arte Ternura

Nenhum comentário: